• 1
  • 2
  • 3
  • 4
lifestyle category image moda category image
20 de Fevereiro de 2017

Segunda-feira, semaninha começando, e com muitas coisas boas por vir – se Deus quiser, e Ele há de querer! 🙏 Então vamos lá, hoje eu queria comentar com vocês sobre um assunto bastante interessante é polêmico no mundo da moda, sobre o qual assisti na última sexta-feira (17/02) uma palestra ministrada pela linda personal stylist Dione Occhipinti, do Conexão Paris: A moda está olhando para as diferenças!

Com Dione Occhipinti, em sua palestra "A moda está olhando para as diferenças, na AICI Brasil. Ilustre presença, gratidão por esse momento!

Com Dione Occhipinti, em sua palestra “A moda está olhando para as diferenças”, na AICI Brasil. Ilustre presença, gratidão por esse momento!

Sim, meus amores, diferenças! E, no caso, o “diferente” não é exatamente o que é considerado como “bonito” pela grande maioria. Vejamos as modelos plus size – ou mesmo aquelas que não são tãoooo magras como estamos acostumadas a ver – com vitiligo, transexuais, que vem se destacando cada vez mais nas passarelas e campanhas de moda. E eu, particularmente, torço para que tal “olhar” não seja apenas uma fase, mas sim algo duradouro. Porque, vamos combinar, sermagrinha, linda, maravilhosa, perfeitinha não é uma realidade para a maioria – sim, acabei de lembrar do vídeo que a Luana Piovani gravou dia desses, quem viu? 👏👏 👏 Palmas sim, pois eu confesso que aplaudi de pé. Mas voltando ao foco do post…..

Dione citou um movimento bastante comum no universo da moda, que é conhecido como “see now buy now“. Mas o que vem a ser isso? Nada mais do que o fato das grifes disponibilizarem uma peça para consumo na mesma velocidade em quem a mesma é apresentada em seus desfiles – ou seja, imediatamente.

Isso devido ao fato das marcas mais populares copiarem rapidamente modelos de peças que foram lançadas em desfiles de grandes grifes (como Dior e Chanel) e venderem a preços menores. Sim, e isso acontece porque tais grifes costumam disponibilizar suas peças para consumo em torno de 6 meses após seus desfiles. Até lá, as pessoas já compraram a preços de fast fashion por aí. O resultado disso? As marcas populares faturando muito mais do que as grandes grifes, podem acreditar.

E nem adianta negar, pois muitas aqui de nós mesmas praticamos isso – o que dizer sobre as nossas andanças pela Zara? Pois é.

 

LEIA TAMBÉM:

  • Luminus recebe Leticia Spiller Luminus recebe Leticia Spiller
  • Vestida Para Brilhar! – A volta dos paetês para o inverno 2017.
  • 4 looks para usar jaqueta bomber nesse outono-inverno 4 looks para usar jaqueta bomber nesse outono-inverno
  • Wishlist Zaful- Vestidos para arrasar no verão Wishlist Zaful- Vestidos para arrasar no verão